Ainda dá tempo de salvar suas promessas de ano novo

Ainda dá tempo de salvar suas promessas de fim de ano
Não é incomum traçarmos inúmeras metas na virada de ano e criarmos várias expectativas sobre nossas resoluções de ano novo. Com a mudança do ano renovam-se nossas forças, nossas emoções e ideais e sentimos o desejo de realizar algo diferente em nossas vidas. 

Seja em âmbito pessoal, profissional ou acadêmico sempre iniciamos o ano um objetivo a cumprir, mas com o passar dos dias, a motivação e empolgação de recomeçar dá lugar a um hábito de postergar e/ou abandonar aquilo que planejamos. Quem nunca prometeu perder todos aqueles quilinhos que vem se acumulando ano após ano? Ou afirmou que iria aprender um novo idioma, ou concluir um novo curso, engajar em um projeto super inovador, ler 1 livro por mês ou colocar todas as séries do Netiflix em dia (essa é realmente uma meta muito ousada)? Todos nós temos planos que são frustrados pela falta de comprometimento e desmotivação que acabam anulando nossa capacidade de alcançar a linha de chegada de nossas metas e isso não ocorre porque somos fracos ou irresolutos, mas porque, automaticamente, perdemos o interesse em tudo que não conseguimos ver progredindo e nos trazendo os resultados esperados. 

Mesmo que tenhamos abandonado algumas de suas metas deste ano, podemos dar uma volta por cima e recomeçar agora, aproveitar os nove meses que ainda nos restam para fazer deste o melhor ano de nossas vidas. Não espere! Não espere chegar segunda feira, não espere virar o mês. Não pense que em agosto você recomeçará. Não dê o ano como perdido. Cada dia que deixamos de correr atrás de nossos sonhos é um dia que não poderemos aproveitar nossas conquistas. 

Eu poderia listar um monte de passos para lhe ensinar a se manter focado e persistente. Mas você já sabe tudo isso e, por isso vou reunir todos eles em três passos simples: 

Planeje suas metas, tarefas e alinhe os resultados com cada uma delas: Planejamento é essencial para se manter focado em qualquer tarefa. Para que você faça alguma coisa, é preciso saber o que você irá fazer, como irá fazer e quando irá fazer. Criar uma lista bem definida de suas metas e objetivos de forma organizada, com prazo para realização e descrição dos resultados esperados o ajudará a definir suas prioridades e lhe dará visão do que é preciso fazer para se manter em movimento. 

Crie lembretes registre seu progresso a cada cumprimento de sua tarefa: Pequenas recompensas pessoais nos ajudam a nos auto-motivar para continuar progredindo. Dar um “ok” em cada item cumprido. Ver um “X” em cada dia do calendário decorrido nos dá uma visão de continuidade e uma sensação de confiança com nossas realizações. Estabelecer pequenos lembretes marcar os dias que se propôs a fazer algo para completar sua meta com pequenas observações sobre cada realização lhe permite metrificar o quanto você está engajado na sua conquista. 

Respeite seus limites: Um dos maiores erros que cometemos ao traçar nossas metas é querer “recuperar” todo o tempo perdido de uma só vez. Assim, criamos tarefas que preenchem nossas agendas por completo, eliminamos o tempo de descanso, de “não fazer nada” ou queremos aproveitar cada segundo que temos e preenchê-lo de alguma forma. Não! Precisamos manter o foco em pequenas áreas de nossa vida de cada vez, não dá pra fazer tudo. Mesclar objetivos de estudo com objetivos de lazer, por exemplo, é uma boa estratégia. Quando não nos damos tempo, sentimos-nos sufocados pelo senso de urgência e abandonamos nossas metas no meio do caminho. É essencial que se conheça, que respeite seus limites e que tenha objetivos claros e bem definidos, um após o outro, para não criar um fardo maior do que possa suportar. 

Apenas esses três passos são necessários para que suas promessas de ano novo deixe de ser apenas promessas vazias e passe a ser metas cumpridas e, para que você tenha visibilidade de suas realizações, você pode contar com um aplicativo em seu celular que permite registrar, interagir e visualizar seu progresso diariamente. Comece a mudança tomando as rédeas dos seus sonhos e viva na busca incessante daquilo que desejas.

Postagens mais visitadas deste blog

Onze de Julho - paralisageral

O imposto nosso de cada dia

Carnaval (Não Faz Minha Cabeça)