Tempo

Sabe quando o tempo não passa?
Você fica observando os segundos no relógio e
eles parecem ter diminuído freneticamente seu ritmo?
Vagando desesperançado enquanto completa o ciclo.
E, para você, um minuto parece horas...
Você respira fundo, sente o desespero.
Fecha os olhos, tenta não pensar,
mas nada adianta.
Sua voz quer gritar, suas mãos anseiam pelo toque,
seus lábios desejam ardentemente o beijo.
Você só quer se alimentar da presença que te consome em saudade,
e escreve angustiantes palavras para tentar disfarçar...
mas o tempo... você não vê ele passar
e cada momento se transforma em munição dentro de sua mente.
Você quer esquecer,
você finge que está tudo bem, continua na sua rotina,
olhando as paisagens se transformarem em fantoches.
De repente você não faz mais parte de nada,
seu mundo desabou e você está perdido,
não tem para onde correr, não tem onde se esconder,
está tudo tão vazio...
Você lamenta,
sofre,
chora...
rasga as fotos, quebra os discos, muda de canal.
Você está inquieto,
não consegue formular frases longas,
não se concentra em nenhum livro, nem no trabalho...
Uma parte de você já não está mais lá,
só ficou o vazio e, ficou a desilusão.
Você olha novamente para o relógio,
o tempo está passando,
mas seus olhos embaçados te impedem de ver...

Postagens mais visitadas deste blog

Armadilhas do Linkedin na busca de emprego

Palavras rasas sobre relações rasas.

Memórias do Heavy Metal - Mustaine