Invenções

Trago meias verdades rabiscadas em papel perfumado,
mas não adianta confessar crimes passados
se as feridas teimam em permanecer
nesse tempo que passa lento.
Lá fora faz chuva,
mas a tarde está quente.
Histórias incompletas de meias verdades vividas
e a outra metade que eu imaginei
com palavras disfarçadas
com sentimentos perdidos
e com os sonhos desfeitos...
Tudo num vazio constante
num passado intrigante
e já não sei se é esse tempo
ou essa música,
nem sei se é o perfume no vento
ou uma vontade de fugir e refugiar em dores antigas...
Relembrar já não faz sentido
porque eu não consigo saber
o que foi real
e o que eu sonhei.

Postagens mais visitadas deste blog

Armadilhas do Linkedin na busca de emprego

Palavras rasas sobre relações rasas.

Memórias do Heavy Metal - Mustaine