I Know..

faz minha cabeça
Eu sei...
Não adianta querer correr atrás das borboletas no jardim
E nem implorar para que elas pousem em nossas mãos
Elas simplesmente voam...
E eu sei...
Depois que se escolhe o caminho
É quase impossível voltar para a estrada antiga...
Não é preciso colher mais as flores
Quando o horizonte se perde infinitamente
Desconexo em sentimentos vazios.
Eu tentei olhar para o sol por alguns minutos
E percebi que se eu insistir ele se rende
E queima mais por dentro do que as pessoas conseguem ver...
E eu sei
Que essa não é a escolha correta
Mas agora não resta mais nada
Além de borboletas solitárias
Voando em um jardim sombrio
E eu preciso fugir de mim mesma
Da história não concluída
E do sonho de simplesmente
Alcançar as borboletas...

Postagens mais visitadas deste blog

Não me esqueça

Top 10 - Personagens Literários

Flores Caídas