Sem Rumo


faz minha cabeça

Minha vida não é mais a mesma... Eu tenho andado na rua feito um zumbi... Tudo está sem sentido parece que cada dia que passa a dor consome mais violentamente dentro do peito... Tenho deixado de ser eu mesma, pra ser apenas o que restou de mim...
Me perco novamente...
Sem rumo!
E onde estão todos os meus amigos?
Será que não vêem que o vento arde em meu rosto e que já não consigo olhar em direção ao sol?
Não!
Não vêem, porque na verdade ninguém se importa com silêncio insuportável aos meus ouvidos e a única voz que poderia me libertar, se cala no infinito... Se cala nos sons inconstantes da vida que tento reencontrar...
Eu só queria voltar a ser eu mesma, a rir com sarcasmo das "coisas da vida" a estar sempre pronta pra qualquer situação. Queria voltar a ter um coração quente habitando meu peito...
Queria ter ele lá me esperando quando eu ficasse sem rumo e ele me pegava pela mão e me conduzia de volta ao caminho... O que fazer agora? Se eu não sei voltar por esses horizontes sombrios e todo caminho que escolho me leva sempre ao mesmo lugar?
E percorro o vazio que ficou, quando ele resolveu partir...

Postagens mais visitadas deste blog

Top 10 - Personagens Literários

Não me esqueça

Flores Caídas