Anjo

A tempestade começa a se dissipar,
mas aqui dentro o vazio insiste em permanecer.
Jamais vou deixar de lembrar-me daqueles olhos,
quando olhar em direção ao sol no horizonte
ou quando procurar estrelas na imensidão.
E o sorriso vai me acompanhar para sempre...
Para sempre,
regado de saudade imerso no desejo insano de reencontrar...
Sinto o sol ardendo em meu corpo,
fazia dias que não o via brilhar.
Hoje consegui pensar nele sem chorar,
mas não vi as fotos,
aqueles olhos frios do retrato que já não me olham...
Lembrei-me com devoção,
com carinho,
mas o coração arde freneticamente.
Ainda o sinto...
Resolvi continuar,
encontrar alguém que me faça pensar em outra coisa,
em outra história.
Deu certo, mas ainda tenho medo.
Como dizia o poeta
"vamos com Calma!"
Não estou tão pronta para me arriscar,
mas foi bom aquele beijo... Hummm foi muito bom.
Tinha me esquecido como era ter alguém ao meu lado...
Meu luto será eterno,
mas a vida continua...
É o que todos dizem.
Continua!!!
Perdoe-me meu anjo,
mas eu preciso seguir sem você agora!

Postagens mais visitadas deste blog

Armadilhas do Linkedin na busca de emprego

Palavras rasas sobre relações rasas.

Memórias do Heavy Metal - Mustaine